Os melhores produtos para quem tem pele oleosa

Os melhores produtos para quem tem pele oleosa

A pele oleosa possui características que incomodam no decorrer do dia, como o excesso de brilho e os poros dilatados. Descubra o que procurar nos dermocosméticos para tratar a pele oleosa e os ativos ideais que ajudam a controlar a oleosidade e a melhorar o seu aspecto.

Características da pele oleosa

pele oleosa tem características que incomodam e exigem cuidados diários de quem a possui. O excesso de brilho, os poros dilatados, a superfície mais espessa e a tendência a acne são alguns pontos que deixam a pessoa desconfortável. Para o público feminino, outro incômodo é a pouca duração da maquiagem durante o dia, exigindo retoque constante e muita paciência para lidar com a situação.

Encontrar o equilíbrio para esse tipo de pele envolve manter um ritual de cuidados diários com higienização, hidratação, tratamento e proteção solar. Assim, o sebo produzido pela pele é controlado. É bom ressaltar a importância da escolha dos produtos certos e próprios para a pele oleosa, como texturas dos dermocosméticos e também sua composição, que deve conter ativos específicos para tratar esse tipo de pele.

O que procurar em dermocosméticos para a pele oleosa?

Esteja atenta à composição dos produtos. Os ativos são de extrema importância para tratar e reduzir o brilho excessivo. Procure produtos com argila, por exemplo, que é eficaz em absorver a oleosidade da pele. Ela ajuda no controle do brilho, tem ação adstringente e secativa. O zinco também é ótimo para controlar a oleosidade, além de agir na origem da produção do sebo, conferir ação antisséptica e oferecer refrescância e hidratação para a pele oleosa.  Alguns ácidos como o salicílico (possui propriedades queratolíticas), retinóico e o ácido glicólico, que também reduz o sebo produzido pela pele.

Outras propriedades importantes de se observar são as texturas dos produtos escolhidos. Prefira os dermocosméticos com textura mais fluida e séruns, que são ótimos veículos para a pele oleosa. Além disso, na hora de escolher seu hidratante e outros produtos, como protetor solar, procure especificações na embalagem como efeito mate, toque seco, oil-free (livre de óleos) e não comedogênico.

Rotina ideal para a pele oleosa

Usando as características descritas acima na hora de escolher os produtos e realizando uma rotina diária de cuidados, sua pele terá muitos benefícios, tornando-se mais saudável e bonita. Portanto, higienize a pele duas vezes ao dia com um sabonete específico para a pele oleosa, assim você não removerá excessivamente a oleosidade, evitando o efeito rebote. Não deixe de hidratá-la, pois a pele oleosa também necessita desse cuidado, e escolha produtos de textura leve e não gordurosas. Saiba mais sobre hidratação para pele oleosa aqui!

A proteção solar é indispensável, por isso use sempre protetor solar e retoque-o a cada duas horas. Procure aqueles que possuem sílicas antibrilho, que ajudam a absorver a oleosidade, e não esqueça de usá-lo para evitar que manchas apareçam e que o sebo aumente. Além disso, escolha dermocosméticos para tratar os aspectos que te incomodam e que sejam capazes de reduzir os poros, suavizar a textura da pele, esfoliar a região e controlar a oleosidade. Com essas dicas, você terá uma pele mais bonita e saudável.

Produtos ideais para a pele oleosa

Produtos ideais para pele oleosa

A ADCOS possui uma linha específica para pele oleosa, que reúne ativos importantes e essenciais para tratar esse tipo de pele, como o zinco PCA e a argila. O Sabonete Equilibrante limpa profundamente e auxilia no controle da oleosidade excessiva, deixando a sensação de frescor e pureza.

Enquanto isso, o Tônico Equilibrante remove as impurezas sem ressecar, reequilibra o pH da pele, reduz os poros dilatados, confere efeito mate e deixa a pele sedosa e sequinha. Já o Hidratante FPS 20 tem proteção contra os raios UV, estimula a renovação celular, uniformiza a textura, o relevo da pele e reduz as imperfeições, conferindo efeito mate duradouro e imediato.

Para tratar os poros dilatados, o Redutor de Poros os reduz visivelmente e melhora a textura irregular da pele. Ele funciona como primer de tratamento, desobstrui os poros, controla a oleosidade por até 10 horas e promove efeito blur imediato. O produto também possui uma versão Tonalizante.

Para a fotoproteção, invista no Protetor Solar Mousse FPS 50, que conta com filtros 100% minerais e uma textura inovadora ultraleve e capaz de promover disfarce imediato de imperfeições, poros e rugas. Com alto fator de proteção solar e 5 tonalidades adaptáveis, esse protetor solar em mousse é indicado para todos os tipos de pele, especialmente as peles sensíveis e oleosas que desejam redução do brilho e disfarce de imperfeições, poros e rugas. Sua composição conta com Ácido Hialurônico de muito baixo peso molecular, Bisabolol, que acalma e repara a pele e Vitamina E, um potente antioxidante

A pele oleosa tem maior tendência a acne?

Essa frase é verdadeira! Por produzir sebo em excesso, os poros acabam sendo obstruídos pela secreção sebácea e o ambiente fica favorável para o crescimento de bactérias. Juntando esses fatores, a acne se forma com maior facilidade.  Por isso, crie uma rotina de limpeza com sabonete específico para pele oleosa. Além disso, remover completamente a maquiagem utilizada durante o dia, esfoliar a pele para retirar as células mortas e utilizar um tônico também ajudam a controlar a oleosidade e evitar o aparecimento da acne.

A alimentação influencia na oleosidade da pele?

Essa frase também é verdadeira. Alguns alimentos aumentam a produção do sebo por serem gordurosos e com alto teor de glicose, como o chocolate. Ele estimula a produção de insulina no corpo, aumentando a produção de óleo. Outros alimentos como frituras, queijos, açúcar, álcool e carnes gordurosas também tem esse poder, por isso, os evite ou consuma em pouca quantidade e dê preferência a verduras, legumes e frutas ricas em vitaminas.

A pele oleosa tem menos rugas que as demais?

Sim! Por ter a camada lipídica protetora mais espessa do que os outros tipos de pele, a pele oleosa tem menor tendência a rugas. Ela evita a perda de água pela barreira cutânea e, por isso, as rugas demoram a aparecer, retardando os efeitos do tempo. Mas é bom ressaltar que o envelhecimento cutâneo está ligado a outros fatores também, como o tabagismo, poluição, má alimentação e exposição solar excessiva, então é sempre bom se cuidar. Se iniciado um tratamento com produtos antienvelhecimento o quanto antes, mais tardio ainda será o surgimento das linhas de expressão.

Mais dicas

A pele oleosa tem maior tendência a acne?

A pele oleosa tem maior tendência a acne?

Essa frase é verdadeira! Por produzir sebo em excesso, os poros acabam sendo obstruídos pela secreção sebácea e o ambiente fica favorável para o crescimento de bactérias. Juntando esses fatores, a acne se forma com maior facilidade.  Por isso, crie uma rotina de limpeza com sabonete específico para pele oleosa. Além disso, remover completamente a maquiagem utilizada durante o dia, esfoliar a pele para retirar as células mortas e utilizar um tônico também ajudam a controlar a oleosidade e evitar o aparecimento da acne.

A alimentação influencia na oleosidade da pele?

A alimentação influencia na oleosidade da pele?

Essa frase também é verdadeira. Alguns alimentos aumentam a produção do sebo por serem gordurosos e com alto teor de glicose, como o chocolate. Ele estimula a produção de insulina no corpo, aumentando a produção de óleo. Outros alimentos como frituras, queijos, açúcar, álcool e carnes gordurosas também tem esse poder, por isso, os evite ou consuma em pouca quantidade e dê preferência a verduras, legumes e frutas ricas em vitaminas. Além disso, ingira bastante água, pois o hábito da hidratação também ajuda no controle da produção das glândulas sebáceas.

A pele oleosa tem menos rugas que as demais?

A pele oleosa tem menos rugas que as demais?

Sim! Por ter a camada lipídica protetora mais espessa do que os outros tipos de pele, a pele oleosa tem menor tendência a rugas. Ela evita a perda de água pela barreira cutânea e, por isso, as rugas demoram a aparecer, retardando os efeitos do tempo. Mas é bom ressaltar que o envelhecimento cutâneo está ligado a outros fatores também, como o tabagismo, poluição, má alimentação e exposição solar excessiva, então é sempre bom se cuidar. Se iniciado um tratamento com produtos anti-idade o quanto antes, mais tardio ainda será o surgimento das linhas de expressão.

Conheça outros conteúdos