Adcos

Estrias: saiba o que são e como evitá-las

Você sabe o que são estrias? Elas são formadas devido a um rompimento do colágeno na superfície da pele e incomodam a maioria das pessoas que as possuem, homens ou mulheres. Vamos falar mais sobre elas, os cuidados para evitá-las e também amenizá-las, deixando seu corpo mais bonito e bem cuidado.

O que são estrias? Quando elas aparecem?

As estrias são cicatrizes que se formam em áreas propensas à distensão da pele, ou seja, quando há destruição de fibras elásticas e colágenas, que são responsáveis pela sustentação e elasticidade da cútis. Essas fibras são feitas para suportarem um certo limite. Se ele for ultrapassado e elas forem esticadas de forma excessiva, as estrias aparecem. Não existe idade nem sexo específicos para o aparecimento dessas marcas, pois elas afetam homens, mulheres em idade adulta e até adolescentes. As regiões mais atingidas são os quadris, coxas, nádegas, culotes e mamas.

Essas lesões costumam aparecer em pessoas com efeito sanfona (ganho ou perda de peso de maneira rápida), crescimento rápido na adolescência, excesso de exercícios, gravidez, aplicação de implantes mamários, uso de corticoides e ressecamento da pele. Conheça mais Seis Fatos sobre as Estrias em um conteúdo aqui no Beleza com Saúde!

 

 

Diferença entre estrias vermelhas e brancas

Você sabia que existem diferenças entre as estrias vermelhas e as brancas? As vermelhas (ou arroxeadas) são as mais recentes, já as brancas são as mais antigas, atróficas e com um leve enrugamento, indicando que existem já há algum tempo.

As estrias vermelhas aparecem quando a primeira camada da pele é esticada até podermos ver a segunda (a derme), que é cheia de colágeno e vasos, responsáveis pela coloração avermelhada. Elas ainda podem ser tratadas e sua capacidade de se regenerar é grande, por isso existem alguns tipos de cuidados que podem melhorar a aparência e até cicatrizar este tipo de estria.

Enquanto isso, as brancas são cicatrizes causadas pela ruptura das fibras da pele e essas geralmente não possuem tratamento, pois uma vez formadas não desaparecem completamente. Existem tratamentos para estrias que trabalham formas de atenuá-las, melhorando sua aparência e deixando a pele menos marcada e enrugada, como lasers, dermoabrasão, dermaroller e peelings específicos.

Estrias na gravidez

As estrias na gravidez estão entre as principais preocupações de uma gestante quando falamos de seu corpo, já que passam por muitas mudanças hormonais e visuais. Com a evolução do bebê e o crescimento da barriga, a pele estica, causando essas marcas indesejáveis em algumas regiões do corpo, que podem ser ocasionadas pela hereditariedade ou, principalmente, pelo ganho excessivo de peso.

A prevenção é o caminho mais seguro e assertivo para evitar as temidas estrias. Assim que a gestante souber da gravidez, os cuidados com a pele devem começar com o uso de hidratantes específicos para a pele da grávida, contendo óleos e ativos naturais, e evitando os com ureia em sua composição, que são contraindicados para gestantes.

Hábitos de vida saudáveis, como beber água, manter uma alimentação balanceada e a prática de exercícios físicos colaboram para evitar as estrias. Além disso, mantenha o peso adequado para impedir que elas apareçam e, também, utilize um creme para estrias logo no início da gravidez, que irá precaver o surgimento delas, e mantenha essa rotina até o final.

Existe tratamento para acabar com as estrias?

Existem tratamentos como lasers, dermoabrasão, micropigmentação, lipoaspiração, peeling e cremes que auxiliam na redução das estrias. No entanto, estes devem ser realizados logo quando elas aparecem, possibilitando minimizar o aspecto das marcas, pois as estrias vermelhas são as que respondem melhor aos procedimentos. O tratamento dessas cicatrizes é um verdadeiro desafio, pois precisa-se estimular a produção de colágeno e elastina, essenciais para a elasticidade da pele.

Não há uma maneira de evitar 100% o aparecimento das estrias. Algumas medidas podem ajudar para que elas não surjam, como hidratar sempre a pele, pois a cútis ressecada tem maior chance de sofrer com a formação de estrias. Além disso, é necessário tomar muito cuidado na hora de escolher sua prótese mamária, pois quanto maior ela for, a chance de cicatrizes aparecerem aumenta. A alimentação pobre em proteínas e vitaminas também atrapalha a cicatrização da pele, e a estria é uma espécie de cicatriz. Você também pode Aprender a Fazer Massagem para aplicar o Elastcream Creme para Estrias em sua pele aqui no Beleza com Saúde!

Mais dicas

Homens têm estrias?

Homens têm estrias?

Sim. Eles não são os mais afetados pelas estrias, mas sofrem com o aparecimento delas também. É comum, nos homens, que as estrias apareçam nos braços e no peitoral devido ao aumento excessivo dos músculos. A fibra responsável pela elasticidade é tensionada, esticando a pele mais do que o suportado, o que acaba gerando as estrias. Para precaução e tratamento das estrias é essencial hidratar a pele, mas os homens ainda tem resistência a textura dos cremes, devido ao toque pegajoso da maioria deles. A dica é utilizar hidratantes mais leves, que não deixam essa sensação. Além disso, planeje bem o ganho de massa muscular para que a mudança não seja abrupta.

Conheça o Elastcream

Conheça o Elastcream

Como tratamento para estrias, o Elastcream é uma fórmula hidratante e nutritiva que recupera a barreira da pele e ajuda a melhorar e preservar a sua elasticidade. Além disso, combate os radicais livres e protege a elastina, estrutura essencial para a flexibilidade cutânea. O Elastcream previne e ajuda a amenizar as cicatrizes recentes devido à associação de ativos que agem sinergicamente em pontos chave para recuperação e prevenção das marcas. Esse creme para estrias possui textura hidratante e deixa a pele macia e sedosa sem oleosidade, com fragrância suave.

Benefícios do Elastcream

Benefícios do Elastcream

É ideal para gestantes (não contém ureia), adolescentes, pessoas com alteração acentuada de peso, pré e pós-operatório de prótese mamária e para quem pratica exercícios físicos em excesso. Ele atua aumentando a elasticidade da pele e prevenindo o aparecimento de novas estrias. O diferencial desse creme para estrias é o complexo anti-elastase, que protege a elastina (fibra que proporciona a elasticidade) da enzima elastase, que destrói essa fibra. Sua indicação de uso é de 2 a 3 vezes ao dia, pela manhã e à noite, nas regiões propensas ao aparecimento de estrias, massageando até completa absorção.

Conheça outros conteúdos